top of page
  • Foto do escritorEd lopes

A História Escondida e os deuses do Passado

Atualizado: 27 de out. de 2023



Muitas pessoas acham que não há vida no universo que esteja fora de nosso planeta. Entretanto esta é uma dúvida pequena em comparação ao que vai além de nossa imaginação.

“Pois, embora haja os que são chamados deuses, quer no céu, quer na terra, assim como há muitos “deuses” e muitos “senhores”, para nós há realmente um só Deus, o Pai, de quem procedem todas as coisas, e nós existimos para ele; e há um só Senhor, Jesus Cristo, por meio de quem são todas as coisas, e nós existimos por meio dele.” 1 Coríntios 8:5,6

Não somente existem milhares de seres morando em estrelas próximas ou distantes a nossa, como e ainda há, milhares de outros mundos semelhantes ao nosso coexistindo antes, acima, ou próximo a nosso tempo. Os controladores da humanidade jamais nos confirmariam isso, seria o ruir do império deles. É primordial que as pessoas prossigam vivendo cada um a sua maneira, a sua própria ilusão de vida, e não procurando conhecer e buscar a verdade de suas origens. Dessa forma não buscam as respostas por meio de um universo, que por hora, muitos não tem como entender. No entanto o universo sempre fez parte daquilo que eles são e foram essencialmente.

As pessoas em oposição a isso estão facilmente seguindo um mundo mentiroso, e pra piorar, o que é falso e perverso tomou conta da vida deles conseguindo se esconder no âmbito mais profundo das religiões. Eles foram e estão sendo manipulados através dos tempos. Por gerações inteiras foram condicionados a um estilo de vida limitado por crenças, o que não lhes permitiu nunca acreditarem no obvio ...


A existência de vida em toda a extensão do universo criado.

Sendo assim ...
Resta-nos apenas uma dúvida a esclarecer ...

Se o universo imenso como é, existisse apenas para que houvesse vida em um único planeta, como o nosso, não existindo mais nada além disso em nenhuma parte da extensão do cosmos, isso denota por conclusão, que não haveria necessidade do universo existir e ter sido criado, porque neste caso, a nossa, e a sua existência como criatura participativa dessa extensão, seria vã, nula, efêmera e sem sentido. Cada um teria sido criado e existiria para fazer parte de uma existência vazia. Pois qual seria o motivo ou necessidade de haver tanto espaço no universo criado, se fosse para existir mais nada além de nós???

Não há sentido algum nisso e em tanta falta de consciência pelo que vemos muitos se "alegrarem" com tal ideia.

Infelizmente esta é uma das maiores mentiras e tolices produzidas por uma humanidade que vive sendo alimentada por projeções e ideias falsas de uma matrix mentirosa, que continua nos fazendo pensar a agir assim, por uma total e completa alienação dos fatos verídicos. Os maquinadores das trevas vieram nos induzindo ideias e nos fazendo gerar pensamentos controversos contra a verdade da criação, a fim de nos manterem presos dentro de um mundo projetado para nos fazer aceitar que estamos sozinhos. Você se sente vulnerável quando acha que não tem ninguém a seu lado, assim fica mais fácil a atuação daqueles que falsamente lhe oferecem "proteção." Tudo é produzido por um sistema que nos tenta enganar a todo o custo, desejando fazer isso quase que perpetuamente.

Uma das maiores armas do sistema maligno é fazer com que cada um de nós devore o alimento que eles tem de mais "saboroso" para nos dar ...
A ignorância.


É impulsionar a falta de conhecimento em todos os sentidos a fim de nos deixar da forma mais imbecil e presa possível, a forma que o sistema realmente quer nos ver prostrados, nos considerando e obtendo como resultado, como a insensatos controlados, como escravos sem inteligência no mais amplo sentido da palavra. Os escritos da Bíblia portanto nos mostraram revelando que é exatamente o contrário de tudo isso, por todo o bem que foi preparado para nós, para aqueles que acordassem.


Pode-se ter certeza de que não somente existe vida em todo o universo criado, como e ainda há, algo muito maior e além de nossa compreensão. Os chamados deuses, que como senhores estão espalhados por toda a imensidão do cosmos e da criação, são seres dotados de um completo conhecimento sobre tecnologia evoluída, dimensões, e universos paralelos que estão infinitamente distantes de nosso entendimento, um conhecimento secreto que está fora de nosso alcance. Somos seres pré-históricos nesse sentido diante desse conhecimento desconhecido. Paulo disse na Bíblia que existem deuses no céu e na terra, ou seja, existem deuses habitando o espaço sideral populando o universo inteiro, assim como também existiram deuses em nosso planeta muito antigamente e que vieram pra cá.
Alguns deles caíram transformando a terra em suas prisões. Alguns destes seres por serem infinitamente mais antigos, fizeram das estrelas o seu lar, o local de suas habitações, compreenderam a harmonia funcional que existe no cosmos e a souberam utilizar. Eles entenderam a natureza do universo, suas propriedades e funcionalidades, estando cientes de que existia uma mecânica na criação sabendo-a utilizar a seu favor. Da mesma forma que nós entendemos a natureza de uma planta, eles entendem a natureza de uma criação infinitamente maior. Estes seres são tão avançados que poderiam ignorar a nossa existência tamanho o avanço que estão em muitos outros quesitos, totalmente incompreensíveis ao ser humano neste planeta.


Paulo os chamou de deuses porque ele sabia que eles viviam, não na terra, mas no cosmos, no céu, no espaço, verdadeiros herdeiros das estrelas. Estes seres compreenderam como o cosmos funcionava e souberam muito bem como extrair seus recursos sem se prejudicarem em nada, ou provocasse um desequilíbrio que afetasse outras criaturas em outros sistemas solares. Da mesma forma como usamos a água para a obtenção de energia elétrica, eles usam as estrelas para extração de energia própria por meio de amplas e avançadas instalações tecnológicas instaladas.

Paulo sabia que estes seres, estes deuses, não moravam na terra, mas no espaço, um dos céus que ele citou, o céu de suas habitações. Estes deuses conseguiam utilizar a tecnologia ao ponto de seu limite, avaliando todos os recursos e os utilizando ao máximo a seu favor e aproveitamento.


Eles não se tornaram escravos envaidecidos por uma ciência como a da terra, e sim procuraram entender a sabedoria existente no cosmos tendo a ciência como companheira, amiga, trabalhando a seu lado ao invés de ir contra eles. Entenderam assim que não somente eles seriam os beneficiados, mas poderiam leva-la a ajudar outros mundos onde todos seriam auxiliados caso não violassem as regras. Entenderam que a ciência que está no universo se torna muito mais poderosa quando é utilizada aos interesses da luz.
Nenhum ciência é criada para ser utilizada contra a luz, e quando criaturas no universo invertem esse paradigma, a ciência se torna envaidecida, sem valor, e inútil ao processo de construção e ausente de propriedade de vida em todos os sentidos.
Muitos desses seres avançados, extraterrestres longe de nosso tempo, conseguiram chegar ao ponto de até mesmo extrair energia de galáxias inteiras. Conseguiram viajar pelo cosmos sem a necessidade de velocidade, por isso ser primitivo, uma vez que usam métodos diferentes e muito mais avançados através da abertura de portais no espaço tempo que podem ser utilizados.
Existe uma natureza agindo no universo assim como existe na terra e em cada planeta habitado ou não.


Conseguem mover planetas, desviar asteroides, e movimentar luas com facilidade. A gravidade passa a não ser uma vilã, e sim dominada, entendida e usada por eles a seu favor. Existem seres tão avançados que são capazes de acessar universos paralelos transpondo-os para outras realidades. As dimensões é como se fossem portas abertas que levam para outros mundos e lugares. Extraem energias de estrelas, galáxias, e de universos inteiros. Viajam pelo cosmo onde qualquer galáxia pode ser visitada e conhecida. Visitam nosso tempo em qualquer era, porque para eles, passado, presente e futuro, embora não possa ser mudado, pode ser visto, conhecido e acessado, o tempo também faz parte da ilusão.

Diante de tanto poder e facilidade de locomoção através de um universo que achamos ser infinito, fica difícil de nos imaginar existindo dentro de um contexto tão vasto como esse, e coexistindo da mesma maneira.

Nós somos pré-históricos perto destes deuses porque na terra estamos sendo tratados como prisioneiros, ou como animais se você preferir e achar assim. Diante de tantos recursos não explorados que nem sequer imaginamos, sempre estaremos diante da idade da pedra se comparado ao conhecimento destes seres, que estão muito além de nós, de nossa cultura, e de nosso estilo de vida.

Na Bíblia o termo deuses, a que Paulo se referiu, em hebraico e em traduções mais antigas quer dizer ... Elohim


Há muitos relatos que dizem que os Elohim eram seres parecidos com os humanos e que vieram a terra a muito tempo atrás oriundos de um mundo distante. Seres que vieram das estrelas em uma época muito antiga. Suas naves visitaram a terra e analisaram nossa população e recursos. É provável que não originalmente fomos criados aqui, mas que em uma certa época tenhamos sido trazidos para cá sendo semeados por seres das estrelas, divindades, seres celestiais, anjos poderosos, que multiplicavam a vida em outros mundos e deixando-nos em algum momento na terra, mas não em uma condição primitiva como a que nos encontramos hoje, mas em uma dimensão, uma densidade mais elevada onde o ser humano não podia morrer, como diz a Bíblia, e que infelizmente devido a queda do ser humano diante das leis eternas e universais, essa dimensão original foi usurpada e perdida.
A queda humana fez com que toda a natureza real mudasse para outra pior, e ainda mais inferior, onde seres obscuros enganadores passaram a coexistir conosco e em conjunto. Não poderem ser visto é uma atribuição fundamental a fim de poderem nos controlar melhor. Por outro lado ser formado da terra, de matéria, é estar revestido pelo elemento construtor presente no cosmos e em todo o universo tridimensional. Quando a Bíblia diz que o ser humano foi formado da terra, quer dizer que ele foi formado de matéria. A matéria e a terra é a mesma coisa. Tudo em um universo físico é feito de terra, de matéria, até as estrelas nascem e são formadas assim. Elas surgem de um aglomerado e amontoado de poeira cósmica, portanto, tudo é feito de terra. O que torna o ser humano imortal não é o seu corpo externo, mas o corpo real que existe e que dá vida dentro dele.
O corpo humano é um veículo construído de matéria, de terra, que abriga o ser superior, a alma, que locomove este veículo, que o direciona e o conduz dentro da vasta construção material, porém uma natureza imortal vive dentro de cada ser humano, assim como de qualquer outras criatura que exista dentro de um universo físico. O ser humano veio do espaço para cá, e através de uma ordem dada para a multiplicação da vida no universo, por esta mesma ordem, a Bíblia diz que passamos a existir na terra, assim como os deuses em outros mundos, não importando o tempo que estes deuses surgiram. Por isso de certa forma e invariavelmente nós somos de outro mundo. O mundo que vemos é a projeção de algo real, por uma natureza invisível de nosso ponto de vista manifestando-se em um mundo irreal em sua estrutura, onde o que é real é aquilo que vem da realidade não vista, que nos criou.
E não é porque você "esqueceu" de ter sido lançado e participando deste mundo de esquecimento, que significa que você não não tenha vindo de lá.
A terra é uma viagem feita pela alma a um universo físico para nos aperfeiçoar por meio de uma experiência tridimensional. Tudo o que existe dentro de um terreno físico, regido pelo tridimensional, pela matéria, precisa necessariamente ser aperfeiçoado para que toda a ilusão seja reconhecida e desfeita.
Esse é o momento que você se liberta por passar a conseguir ver e identificar o mundo holográfico, ao invés de ser controlado por ele. Um universo que existe para a interação, e para que essa experiência seja vencida.
A Bíblia é o código sagrado inserido dentro desta experiência. Seres multidimensionais se apresentaram e foram conhecidos pelos seres humanos como guardiões do passado que vieram a terra, sentinelas que protegiam um grupo selecionado de humanos provenientes de linhagens puras não corrompidas.


O livro de Enoc retrata em detalhes como foi essa história, bem como de que modo era a vida da humanidade naquele tempo. Um mundo dominado por uma verdadeira guerra entre os deuses guardiões multidimensionais, e os carrascos invasores deste planeta, que por suas práticas perversas, insistiam em querer tomar posse do mundo e escravizar os humanos daqui. O livro descreve claramente que estes deuses guardiões, ou anjos guardiões, foram enviados a terra para proteger um certo grupo de pessoas, que por suas liberdades, não violaram-se depois que lhes foi dada uma nova chance.

Estes guardiões eram dotados de grande poder e não pertenciam ao nosso planeta. E também não eram provenientes de um universo físico. O reino deles nunca foi deste mundo, e nem deste universo. Estavam aqui para deter e controlar o avanço de uma invasão que havia acontecido por parte de seres das trevas intrusos, vindos de outro mundo, que enganaram os humanos e os escravizaram.


Para melhor ilustrar esse assunto há um livro muito antigo que diz que, existiam serpentes que vieram voando do espaço até a terra, e chegando até aqui. Fica claro que estes seres tinham avançada tecnologia, e por meio dela, vieram para cá a fim de conquistar o ser humano e o escravizar no tempo que a terra estava apenas começando.

Os deuses guardiões portanto estavam aqui cumprindo uma ordem superior, de não permitir que estes seres invasores saqueassem e violassem a linhagem pura da população, a linhagem escolhida, já que os seres das trevas haviam dominado uma grande parte do planeta. Essa raça obediente aos desígnios da luz se manteve íntegra da contaminação que tinha ocorrido. Não se sabe ao certo e o livro de Enoc não menciona como era a forma destes seres, destes guardiões, mas o livro deixa bem claro relatando, que eram seres reais e que estavam na terra para proteger o planeta, amparando aqueles que não tinham defesa diante das maldades de seres das trevas opressores.


O ser humano havia reconhecido o erro cometido, e se corrigiu, procurou após isso evoluir para um novo estilo de vida e de acordo com os preceitos da luz. Esta linhagem pura, ou pelo menos uma parte dela, se encontra localizada hoje em Israel, a descendência do povo defendido do passado. São os herdeiros daqueles que não se corromperam depois de lhes ser dada uma nova oportunidade. Por isso Jesus Cristo veio encarnado pertencendo a este povo, porque a linhagem pura e defendida do passado eram eles, o povo que hoje se encontra lá.

Isso foi ilustrado no filme Matrix onde aqueles que pertenciam a Zion, Sião, que define-se por Israel, eles não tinham as marcas no corpo como tinham todos aqueles que pertenciam a Matrix. Eles não tinham furos, plugues espalhados pelo corpo, como havia nos restantes dos integrantes da Matrix. Isso para mostrar que a Matrix representava um mundo constituído de seres humanos contaminados e controlados, e que a população de Zion era protegida, e estava separada disso. No entanto toda a população do planeta é também convidada a herdar o mundo deles, o mundo de Zion. No filme Matrix, Zion era uma nação detentora daqueles que eram puros, de uma linhagem não contaminada em comparação a linhagem impura da Matrix ao longo da história, e que por isso foi defendida, pelo menos o tempo que se mantiveram íntegros e desligados do mundo. O objetivo do mal por meio do agente Smith, era o de encontrar aquele lugar e de o destruir. Assim como o anticristo irá querer ir a Israel e desejará levar a ruína e destruição por lá e em toda parte.


Os deuses guardiões eram muito poderosos. O livro descreve que eram imbatíveis e que estavam na terra cumprindo uma missão. No entanto em um dado momento um grupo destes seres resolveu por conta própria irromper suas liberdades e se contaminam fazendo aquilo que jamais lhes fora permitido. Aderiram a práticas humanas, e por serem seres eternos e imortais, detentores de um conhecimento infinito, seria letal incorrerem neste crime, e não haveria volta e nem retorno se o praticassem. Houve então um grupo destes guardiões que caiu, e como castigo foram exilados na terra, sendo retirada sua luz e poderes, e praticamente se transformando em humanos ficando como que presos na terra e a terceira dimensão. Muitos dizem pelas interpretações do livro de Enoc que estes citados seres guardiões eram extraterrestres vindos de outros planetas. Quanto ao significado daquilo que esse termo quer dizer, sim, eram extraterrestres, exatamente por não serem da terra, mas não era aquilo que pensavam a respeito deles quando afirmaram isso. O livro revela uma interpretação bem mais ampla, ousada, e muito mais complexa de se entender do que muitos poderiam imaginar. Estes seres protetores não pertenciam a realidade física e a nenhum planeta do universo físico. Eram seres multidimensionais e podiam se materializar em qualquer realidade ou dimensão, de qualquer nível dentro do cosmos. Como exemplo vemos isso muito bem exemplificado no livro de Tobias na Bíblia, onde um anjo se materializa na forma de um pessoa, e no final, quando se despede após ter cumprido sua missão, ele se desmaterializa de nossa realidade e volta a sua verdadeira origem de forma instantânea, simplesmente desaparecendo e não podendo ser mais visto. Vemos também Jesus Cristo se transfigurar diante de seus apóstolos, passando da condição física natural, para uma condição celestial dimensional e superior, e vice-versa. Ele podia a qualquer momento mudar de realidade, exatamente porque tudo o que existe dentro de um universo físico, apresentar-se como uma ilusão, uma miragem perto de realidades superiores, que é de onde ele vinha. A realidade tridimensional é como se não existisse para eles, por pertencerem a realidades superiores e que nos formaram. Vieram de reinos elevados que deram origem a tudo o que é físico, bem como a tudo o que existe no universo. Paulo falou sobre isso na Bíblia. Ele disse ...
"Pois aquilo que pode ser visto foi feito daquilo que não se vê." Hebreus 11:3


Estes deuses guardiões do passado estavam longe de serem extraterrestres de um universo físico como muitos puderam cogitar. Esses seres também não eram de forma alguma como aos invasores que estavam presentes aqui naquela época. Infelizmente muitos destes guardiões caíram irrompendo sua liberdade e ao sentirem arrependidos diante de suas quedas, pediram a Enoc que intercedesse a DEUS por eles para que pudessem ser perdoados, e voltarem a seus lugar de origem. Obviamente não haveria lógica alguma caso fossem extraterrestres vindos de outros planetas físicos, pedirem a intercessão de um humano diante de DEUS e pedindo perdão por um erro conscientemente cometido, que eles reconheceram. Estes seres, os guardiões, não pertenciam a nenhum mundo físico deste universo. Por outro lado o pedido de perdão foi rigorosamente negado, e como castigo, os guardiões foram sentenciados a viveram em um planeta regido pela matéria, em uma dimensão primitiva, precária, corruptível como a nossa, vivendo como se fossem humanos, perdendo a condição de deuses e a luz eterna para sempre.


O livro é tão preciso que chega até mesmo a mencionar o número de guardiões que tinha caído.

Existem também alguns outros escritos antigos que descrevem que existia um certo grupo, que viveram na terra milhares de anos atrás, por uma lacuna perdida no tempo que hoje não temos mais como recuperar. Por serem de origem superiores reinaram sobre os humanos durante muitos anos. A queda destes seres revela que por suas escolhas, preferiram abandonar a realidade perfeita e infinita, em troca de uma experiência precária e deplorável na terra. Acabaram com isso gerando filhos gigantes quando casaram-se com mulheres humanas, tendo seus filhos gigantes destruídos por um dilúvio, por meio de outros deuses guardiões que tinham sido enviados a terra para limpar a sujeira de uma existência humana que se perdeu, que estava corrompida ao extremo pelos guardiões caídos, que aquela altura, estava fora de controle e não havia mais como endireitar. Após isso os guardiões caídos se perderam na história. O castigo sentenciado a eles foi o de viveram longe de seus lares e de seus reinos de origem, retirando-lhes o poder e passando a viverem praticamente como humanos na terra, o que aumentou ainda mais a sensação de castigo e de condenação que lhes tinha sido imputada. Também foram sentenciados a verem seus filhos gigantes morrerem e serem destruídos.

Vejam algumas fotos do que sobrou desse passado perdido ...


Muitos dizem e acreditam que os guardiões caídos se encontram enterrados, hoje na Antartida, e talvez por isso este seja o motivo por este local ser uma das áreas mais vigiadas e protegidas da terra. A questão é que estes guardiões caídos, um grupo deles, podem estar enterrados neste lugar até hoje, porque a Antartida é nitidamente um continente, que no passado, nunca esteve congelado. A Antartida era um continente habitado como a qualquer outro continente da terra, comprovando-se isso pela exposição e existência de muitas pirâmides que antigamente nunca estiveram encobertas pelo gelo.

Por isso não é de se admirar que a igreja ocultou o famoso livro de Enoc da Bíblia. As revelações deste livro nos mostraram a verdade, aquilo que os controladores invasores e corruptores deste mundo sempre quiseram esconder de nós. Você nunca será um escravo quando você conhece a verdade.

Vale também lembrar que os cátaros, uma antiga irmandade religiosa, foi totalmente dizimada, exterminada pela igreja na época. Tudo porque eles defendiam que os seres humanos, no princípio e antes da queda, eram como anjos vivendo na terra, como anjos encarnados no planeta, eram seres humanos de luz que não podiam morrer. Viviam em um paraíso incorruptível, como se este paraíso eliminasse os efeitos do tempo, o que não pertence mais a nossa dimensão. Depois da queda diante do conhecimento perfeito que lhes tinha sido transmitido e dito para que defendessem, tudo mudou. A doutrina dos cátaros foi considerada uma heresia pela igreja, e por isso, os assassinaram e extinguiram sua ordem.


O livro de Enoc revela a queda de deuses guardiões, anjos, seres celestiais multidimensionais protetores vindos de realidades perfeitas e muito além da nossa. Paulo na Bíblia disse que existiam deuses na terra. Ele sabia muito bem que muitos destes deuses em uma época antiga, conviveram com os humanos e muitos deles não haviam deixado o planeta. Paulo sabia da existência de Atlântida e de Lemúria, continentes onde muitos extraterrestres conviveram com humanos e interagiam com eles.

Paulo não tinha uma mente fechada, ele conhecia a verdade, seu coração não permitia ver da forma falsa por ele ter uma espiritualidade elevada. Ele se sobressaia acima do físico e tudo lhe era ensinado por meio da luz que estava com ele. O planeta passou a estar escravizado por meio de uma escolha errada que o ser humano tomou um dia, que trouxe as sentenças. O ser humano agiu por aquilo que é uma das leis mais respeitadas em todo o universo, a liberdade de cada criatura pela sua opção de escolha. Muitos seres benevolentes vendo isso acontecer, partiram daqui, procuraram observar ao invés de interferir, pois o ser humano já haver feito uma escolha e definido o seu caminho por um lado que não poderia mais ser alterado. O lado não permitido que fez com que eles perdessem a vida verdadeira e amassem a falsa.

Poderiam ter sido senhores, mas de uma hora para outra se tornaram em escravos controlados. O que somos hoje é o resultado culminante de nossas próprias escolhas. Um resultado que surgiu por meio de uma queda.


O ser humano preferiu ser manipulado por seres que os dominaram e que os enganaram em troca de pequenas vantagens, por mentiras contadas que os foram iludindo com o tempo. O resultado disso é retrato do mundo de hoje. Um mundo controlado por seres das trevas físicos e não físicos, que o dirige por meio de nós, através de humanos inescrupulosos e traidores de sua própria raça. A Bíblia nos advertiu que isso ocorreria em um futuro próximo, e que um dia, este tipo de mundo iria surgir.

A linhagem humana foi manipulada geneticamente no passado, e ainda hoje continua também, a fim de denegrir por meio de muitas experiências genéticas, pela violação de seres que nos queriam escravizar ainda mais durante as eras por meio dessas tenebrosas mutações. Várias linhagens humanas mais antigas do que nós sabiam e estavam cientes de que isso poderia ocorrer. Essas linhagens humanas procuraram se proteger sabendo do resultado posterior no futuro, e o que traria de malefícios para sua raça, pelo surgimento de uma imensa quantidade de seres humanos imbecis, geneticamente modificados e muito distantes de sua linhagem original. Seriam incapazes de saírem de um controle que estaria cada vez mais ativo, imposto a dificultar de conseguirem reacender a luz perdida de suas essências, em cada um deles, por tanta manipulação e influência genética maligna acontecendo como inibidores ao perfeito conhecimento.


A manipulação biológica pode gerar muitos efeitos e influências podendo atrapalhar e atrasar muito certos avanços no processo de despertar da consciência humana, quando a genética é alterada. Antes de tudo, somos um veículo preparado para receber um ser que é muito maior que o corpo, e quando este veículo é mexido, manipulado e alterado geneticamente, muitas funções passam a estar indisponíveis, e mais difíceis de acessar, se tornando mais precárias, dificultando o acesso a certas reações mais elevadas, e raras diante da luz que nos dá acesso a fonte de todo o conhecimento e entendimento que recebemos. Isso dificulta de nos conduzir as respostas e ao entendimento sobre os enigmas do universo, mas não impede de o realizamos, mas não há dúvidas que tudo fica muito mais difícil para o ser real exilado no desafio da experiência que se tornou os mundos tridimensionais. De uma forma simples, deveria ser muito mais fácil, mais amplo, e harmonioso de acontecer.
Deixa eu citar um exemplo ... Quando você coloca uma ferradura em um cavalo ele passa a estar pré-disposto a um comando, e a ser utilizado apenas para uma função e atividade, para um serviço unicamente em específico, que é o de ser um animal escravo e sem valor. Com isso ele passa a ser conduzido para um determinado fim e propósito e longe de sua verdadeira origem. Ele passa a não pensar mais por si mesmo sem que antes esteja sendo conduzido por meio de um mecanismo de comando, de controle, movido por meio da ação de um dispositivo, que ele segue, obedece, e se movimenta, que é aquele que lhe dá ordens e o comanda. Da mesma forma é com o ser humano. Existem seres, ou "deuses" assim dizendo, que devido a sua tecnologia avançada, que sempre quiseram infestar as estralas de maldade, de ódio e destruição por toda parte, corrompendo muitos sistemas estelares vizinhos e a nossa volta. A nossa estrela, o sol, foi apenas uma das estrelas afetadas dentre milhares de outras invadidas e prejudicadas por meio de um processo maldoso diante da galáxia inteira. A Bíblia nos avisou que não há como sair disso sem que se vença esse mal. A saída se encontrou no passado, e como este tempo já existiu e já passou por nós, não pode ser mais mudado, não pode mais ser modificado, a escolha que fizemos e que foi feita, não nos permite mais a mudança. As escolhas feitas trouxeram consequências que nunca foram reparadas ou mudadas com o tempo. Sempre serão elas que definirão o que somos e o que seremos depois. O futuro passa a se construir a partir dessa causa e efeito. Paulo sabia muito bem quem eram estes deuses e deixou registrado na Bíblia identificando quem eles eram, revelando suas existências. Quando ele disse o termo deuses ele não estava falando apenas de seres físicos, mas também de seres não físicos pertencentes a outras dimensões que não fazem parte de nossa realidade. Os seres de outros mundos, mesmo possuindo avançada tecnologia, não são deuses, são apenas seres físicos como nós integrados ao mesmo universo físico que pertencemos e engajados no mesmo processo de ascensão para a luz. A história de qualquer mundo sempre será definida pelas escolhas das criaturas. O modo que usam a liberdade deles é que os definirá.
Aquilo que não é físico sempre tem uma predominância sobre aquilo que é físico. O que é físico faz parte da realidade primitiva de um universo regido apenas por aquilo que é tridimensional e pelo tempo. Tudo que é tridimensional está intrínseco pela matéria, que por sua vez está subjugada as leis físicas que ditam as regras e o funcionamento do cosmos a que pertencemos. O que não faz parte do físico é a realidade que nos vê melhor, por não estar regido por nenhuma outra lei que faça parte daquilo que é material. E da mesma forma que a Bíblia diz que existem deuses, também há o DEUS dos deuses. O CRIADOR de tudo e de todas as coisas, que estabeleceu co-criadores em toda a sua criação. A Bíblia sempre falou de um SENHOR de toda a Criação e também de milhares de seres habitando outros mundos.

Vejam os textos ...

" Alegrai-vos ó céus e o que nele habitais. " Apocalipse 12:12
" A terra é do Senhor e tudo o que ela contém o universo e os que nele habitais." Salmos 24:1

"Nos céus estabeleceu o Senhor o seu trono, e o seu império se estende sobre o universo." Salmos 102:19

A Bíblia afirma que há um DEUS que é o Senhor de todos os deuses. Na terra e no céu estes deuses foram criados não importando quando e onde por um DEUS único que os originou. E ainda que estes deuses sejam superiores a nós em escala de espaço e tempo, todos partiram de uma mesma criação estando unificados dentro de uma mesma irmandade e de uma mesma família. E quando alguns passam a ver de forma individual e não coletiva, escolhem por si mesmos por meio de suas liberdades, seguir o caminho da escuridão onde não há volta. É exatamente aí que o império da soberba e do domínio começa, dando início a uma verdadeira batalha da luz contra as trevas que prevalece até hoje.


Uma verdadeira guerra nas estrelas foi instaurada para que o erro que ocorreu no universo, por meio de seres rebeldes da escuridão, deixasse de predominar e pudesse ser corrigido, e faça parte daquilo que a escuridão representa ... a inexistência.

O nosso universo foi infestado por seres das trevas físicos e não físicos a uma idade incalculável de tempo, onde estes seres obscuros o estão tentando levar a extinção. Por meio das escolhas das criaturas, malignamente influenciadas sempre, eles os vem fazendo escolher a todo o momento sempre o pior. Estas escolhas uma vez tomadas tendentes ao erro, sempre irá leva-los até ao domínio e controle, deixando-os todos a mercê de novos controladores. Sempre será a ação de nossa liberdade de agir que nos definirá, a nós e a nosso mundo, que devido a esse controle sem interrupção, pode deixar de ser nosso.

A liberdade é a porta para que as escolhas aconteçam, sejam elas boas ou más, escuras ou iluminadas, e surjam mostrando resultados na vida de cada criatura que existe em todo o universo, não importando o avanço tecnológico. Estamos em uma guerra no meio das estrelas. Um Star Wars literalmente acontecendo que está sendo ocultado de nós. Nesta guerra não importa que não sejamos deuses, o que querem destruir sempre será o que de melhor existe em nós, não importando nunca os meios utilizados. Os que dominam nosso mundo não são os humanos que fizeram as melhoras escolhas, mas sim os que fizeram a pior, as mais fracassadas, que optaram pelo lado escuro e sombrio da força que os destrói por dentro, e isso desde o primeiro momento que chegaram aqui.


As influências perniciosas nos retiraram a condição de sermos deuses, porque nascemos para sermos deuses por meio do aprimoramento e evolução diante da luz. O nosso avanço a essa condição foi interrompido por termos nos tornado escravos de seres dominadores e sombrios, por isso para nós, não existe mais um caminho de volta pelo menos não a nossa maneira. Os seres humanos não foram e não estão sendo capazes de descobrir qual é a melhor maneira. Não há como voltar, por meio de nossas escolhas, nós mesmos nos perdemos. Todos foram avisados antes de incorrer em um crime, mas este aviso não foi escutado, nem seguido, e ainda hoje são os mesmos humanos que não estão dando ouvidos a este chamado. Nos tornamos réus de nossa própria maldade. Os avisos que nos foram deixados e que não foram seguidos, se tornaram os encargos de nossa própria inconsciência. O que nos salvará não virá deste mundo e nem deste universo físico, porque se viesse daqui, estaríamos perdidos e condenados para sempre. Nada de bom pode vir de um planeta como esse que nos salve. Tudo o que venha deste mundo jamais poderá construir ou mudar algo que seja para melhor, mais evoluído, e que realize algo que nos ajude e que nos cure. A salvação vem de mundos e reinos elevados, muito superiores e acima do nosso e que sempre nos assistiram.


Da mesma forma que há o DEUS dos deuses, há o MESTRE dos mestres, e um Senhor dos senhores como Paulo mesmo disse na Bíblia. Este MESTRE em uma certa época longínqua de nossa história, não importando quando, virá para cá em sua divindade expressada pela vontade de DEUS, para nos resgatar, nos dar a chance de nos redimir pela confirmação de uma crença que terá que estar depositada Nele, a fim de regenerar toda a maldade que houve neste planeta. Só Ele nos mostrou o que aconteceu. Muitas vezes eles nos falou em parábolas e não disse claramente como foi porque toda e qualquer revelação que Ele ensinava, era como uma pista a nos conduzir diante de um código sagrado infinito, que ele estava decifrando para aqueles que seriam seus escolhidos. A Bíblia e muitos escritos sagrados antigos que nos foram ocultados, e que também fazem parte dela, está aqui para nos levar e conduzir a ser descriptografada por nós, dentro de cada ser humano, pela busca que cada um faça pela verdade. Ele usou de muitas parábolas para falar conosco quando esteve na terra, Cristo sabia que seus eleitos iriam compreender perfeitamente o significado de tudo o que ele dizia, em comparação a uma gigantesca massa que não entenderia nada do que estava falando, como ainda hoje não entendem. Estariam tão cegos e embriagados pelo fascínio das ilusões das coisas daqui, desejosos das conquistas temporais, sendo dominados por elas, que suas parcas mentes produziriam imaginações emocionais de um emaranhado enorme de interpretações falsas, que atordoariam muita gente, enganando a todos que se manteriam desavisados e desatentos. E isso é o que mais existe acontecendo nos dias de hoje.


Os que estão destinados a compreender, compreenderão, enquanto que milhares de outros nem sequer saberão que o conhecimento perfeito existe. Nada entenderão pelo seu modo errado de vida, continuando e seguindo alienados, despreocupados, enquanto que para todo aquele que é ensinado por dentro, não existirá enigmas. Tudo passa a ser compreendido e entendido de uma forma muito mais simples para os humanos dessa categoria.

"Os ímpios procederão impiamente, e nenhum dos ímpios entenderá, mas os sábios entenderão." Daniel 12:10
Está determinado e decretado que um dia o controle do mal terminará na terra, desde o início da queda do mundo existe este decreto. A Matrix será desfeita e diluída, mas esta será uma intervenção que virá de longe, de um céu que não pode ser visto de nosso sistema solar. O que nos foi ordenado na Bíblia é que esperemos este dia com confiança, e quando este tempo acontecer, este será o dia que nos será entregue uma nova oportunidade e uma nova chance para um novo recomeço. De seguir aprendendo e se aperfeiçoando na terra ... Como deuses.




134 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

1 komentarz


Lcfer02
Lcfer02
19 cze 2022

Não quis nem ler para não ficar cego nessas telas de celular infernal. Sugiro que o amigo disponibilize áudio dos textos para que as pessoas possam escutar sem forçar os olhos nessas telas destruidoras da visão.

Polub
bottom of page